30 de maio – Dia do Geólogo

by Adriano Freires de Souza

O Dia do Geólogo é celebrado nesta data em homenagem à aprovação do Projeto de Lei nº 2028/60, de 1962, que deu origem à Lei nº 4.076, que regulamenta a profissão. Este profissional tem no seu objeto de estudo o Planeta e suas relações com o Homem, tanto na busca dos recursos naturais como na aplicação do seu conhecimento na melhoria da qualidade de vida e no desenvolvimento sustentável.  A exemplo de outros profissionais das Geociências, o geólogo tem seus olhos atentos à bruta realidade da terra que investiga, mas também contempla outros horizontes com seu olhar de sonhos e ideais. A disseminação do seu conhecimento leva humanidade às pessoas.

Dentro desse espírito, o Crea-SP escolheu alguns trechos de um texto do teórico francês Charles Combaluzier que traduzem bem a homenagem que o Conselho presta à categoria neste 30 de maio.

“A Geologia é o estudo austero do esqueleto da paisagem. As excursões do geólogo são as únicas que merecem este nome: excursus, caminhada além do tempo e do espaço atual. Ao ver a montanha, o geólogo pensa no mar do qual ela saiu; ao ver o mar, pensa que nele estão depositadas as montanhas do futuro”.

“A profissão do geólogo só pode ser exercida apaixonadamente. O geólogo deve ter da Terra, da geografia física planetária, um conhecimento aprofundado que exige uma longa e afetuosa familiaridade”.

“Com a mochila às costas, o martelo na mão, caminha, caminha toda a vida, sobre as cristas, na concavidade dos vales, com o olhar fixo na rocha, onde espera aparecer o indício que procura”. 

“O verdadeiro geólogo deve ter pulmões infatigáveis, pernas de alpinista e, às vezes, ombros que quisera fossem de ferro, porque a pedra é pesada e deve ser estudada no laboratório. Mas a fé que remove montanhas, a paixão que o anima, é capaz de sublimar a fadiga e a esperança dos descobrimentos e faz que sempre parta de novo, infatigável, rumo à sua maravilhosa aventura”.

Parabéns, Geólogos!

Posts relacionados

Deixe um comentário